quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Pano de fundo

Saltei da tristeza à alegria
Qual foi a magia?
Foi o meu blefe à cilada.
Resgatei a variável
Do modelo, já descartada.
Foi no aguçar do pensamento
Que reformulei todo o problema
Com interações complexas do esquema
Simulei a resposta mais convicta
De não mais dar o próximo passo.
Deixei o estratagema intacto
Devolvi sutilmente o drama ao íntimo
Do infeliz criador do artifício,
Ficando por inteiro enredado.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Minha lógica de amor

Tive por você amor
Uma paixão romântica dos poetas
Um grande amor chamado Eros.

Depois passei a ter por você amor
Uma generosidade de entrega total à relação
Uma lógica da paixão Ágape.

Nunca tive por você amor
Amor de sedução, limitados a uma noite
Ludos nunca foi a minha paixão.

Meu amor por você amor
Foi de confiança mútua e valores compartilhados
Divindade grega da amizade – Storge.

Alguns dias atrás amor
Tive por você amor de pré-requisitos e de ponderação
Amor intitulado pragma.

Hoje tenho por você amor, mania
Amor montanha-russa, um dia nas nuvens
E outros no fundo do poço.

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Perturbação

Eis que se abriu a primeira cortina
Nada vi naquele palco
Fiquei a espera e observando
O velho tecido que não sacudia.

Eis que se abriu a outra cortina
E nada vi naquele palco
Escutava a música de fundo
Inalando o mofo que ali envolvia.

Eis que se abriu a terceira cortina
Nada vi naquele palco
Um zum zum zum acontecia na plateia,
Reduzi-me a ler o encarte da peça de teatro.

Eis que se abriu a última cortina
Novamente, nada vi naquele palco,
Agora havia um silêncio aterrorizante
Mas era esta, a peça no teatro.

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Peinha

Muito prazer sou Penha
Intitularam-me Peinha
Uma coisinha sem senha
Que não se embrenha.

Muito prazer
Sou quem equilibra a barrenha
Na péinha
Não tem quem detenha.

Muito prazer
Gosto da sombra da carrasquenha,
Tampouco me importo
De vestir-me com estamenha.

Muito prazer
Sou pequenininha
Se contenha...
Que não sou inhenha.